Soja: apesar de recentes altas, preços são os menores desde 2011

Publicado em 05 de dezembro de 2017

Comentário(s)

Cenário se deve ao maior excedente mundial e à queda do dólar frente ao Real.

Mesmo com os preços da soja elevados no mês passado frente ao anterior, as médias de novembro/17 dos Indicadores CEPEA/ESALQ Paraná e ESALQ/BM&FBovespa Paranaguá são as menores para esse mês, em termos reais, desde 2011 – valores deflacionados pelo IGP-DI out/17.

Segundo pesquisadores do Cepea, este cenário se deve ao maior excedente mundial e à queda do dólar frente ao Real, que, embora esteja nos maiores níveis de 2017, é a menor média para um mês de novembro, desde 2014. Quanto ao cultivo da soja, está na reta final em muitos estados do Brasil. De acordo com colaboradores do Cepea, o clima vem favorecendo os trabalhos de campo e também o desenvolvimento das lavouras já implantadas tanto no Brasil quanto na Argentina, cenário que gera expectativa de oferta elevada.

Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br




Comente


Leia também

Conhecer para Cooperar

02 de setembro de 2016

Dia Nacional do Campo Limpo envolve 1.200 crianças em Chapecó

18 de agosto de 2016

Cooperalfa reuniu quadro de lideranças em agosto

14 de outubro de 2016

Gestão das propriedades em Ipuaçú

23 de agosto de 2016

As oportunidades da crise

01 de setembro de 2016

Identificada nova praga de pastagens em Santa Catarina

23 de agosto de 2016

Cooperalfa inicia o ano do seu cinquentenário

05 de janeiro de 2017

Contatos Cooperalfa

Contatos dos setores

Trabalhe na Cooperalfa

Ligar para matriz
(049) 3321-7000

Av. Fernando Machado, 2580-D
Passo dos Fortes
Chapecó / SC